ARM na guerra contra o tabaco

13 de maio de 2018

Em ação de diagnóstico precoce de câncer bucal feita em São Paulo em março deste ano com o apoio da ARM, foram identificadas 10 lesões prováveis da doença em 200 pessoas atendidas por dentistas voluntários. A maioria dos pacientes com suspeita da doença fazia uso de tabaco e/ou de álcool e foi encaminhada para tratamento especializado. Esse dado mostra a importância que tem o cirurgião-dentista frente à saúde dos indivíduos, pois ele é o profissional que tem condições de detectar previamente esta e outras doenças.

O tabaco é fator de risco importante para a saúde geral e bucal da população, agindo indiscriminadamente e atingindo jovens, trabalhadores e idosos de ambos os sexos. Somente no Brasil, 4 mil pessoas morrem por ano devido ao câncer bucal, enfermidade que registra 14 mil novos casos a cada 12 meses e que coloca o País no 3º lugar do mundo como de maior incidência da doença, atrás apenas da Índia e da antiga Tchecoslováquia. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que 43% das mortes por câncer são causadas pelo consumo de tabaco e álcool, por maus hábitos alimentares e de estilo de vida, além de infecções.

Diagnosticar, prevenir e encaminhar para tratamento são as armas que estão à disposição dos cirurgiões-dentistas da ARM Odontologia para salvar vidas.

Faça parte desse esforço por melhor saúde, melhor saúde bucal e mais dignidade de vida àqueles que necessitam de apoio e acompanhamento odontológico para mudar esse trágico quadro no Brasil.

Dia 31 de maio é o Dia Mundial sem Tabaco. Engaje-se com a ARM Odonto nessa luta pela vida.